Sepultamento

1. Que é o sepultamento eclesiástico?

Proclamação da vitória de Cristo РO sepultamento eclesiástico tem caráter de culto. Nele a comunidade cristã se irmana Com as pessoas enlutadas. Na despedida de seu ente falecido, proclama a vitória de Cristo sobre a morte e seus temores.

Consolo às pessoas enlutadas РA comunidade consola as pessoas enlutadas, ora confiante em Cristo, o Senhor ressuscitado e vivo, que nos dá a esperança da vida eterna. Agradece a Deus por todo bem que tem feito à pessoa falecida, e por meio dela, aos seus.

2. A quem comunicamos o falecimento?

√Ä pessoa respons√°vel pela cerim√īnia – A solicita√ß√£o de sepultamento deve ser encaminhada imediatamente ao pastor, √† pastora ou √† pessoa incumbida pela realiza√ß√£o do mesmo.

3. Onde sepultamos os mortos?

No cemit√©rio – Por lei, podemos sepultar as pessoas mortas somente em cemit√©rios.¬†√Č manifesta√ß√£o de respeito zelar pela ordem no cemit√©rio, para que o mesmo seja bem conservado.¬†As inscri√ß√Ķes nos t√ļmulos devem dar testemunho da f√© e da esperan√ßa crist√£s.

4. Qual a forma do sepultamento?

Enterro - Na Igreja cristã tem prevalecido a forma de enterro, no qual a pessoa falecida é devolvida à terra de que foi formada.

Cremação - Também a cremação é uma forma de devolver a pessoa morta à terra e está de acordo com os princípios cristãos. Recomenda-se, nesse caso, que a urna com as cinzas não seja guardada em casa, mas enterrada em local apropriado, para evitar que se criem amarras psicológicas ou que surja veneração a pessoas mortas.

Família decide РA fé cristã proclama que nenhuma forma de sepultamento é capaz de impedir a ressurreição. Deus saberá recriar o que uma vez criou, mesmo que, aos olhos humanos, a pessoa falecida tenha desaparecido completamente. Sua família decide sobre a forma de sepultamento.

5. Quem é sepultado pela comunidade?

Quem teve v√≠nculo com a comunidade – A comunidade realiza o sepultamento eclesi√°stico quando a pessoa falecida foi membro.¬†Tamb√©m expressamos o amor crist√£o ao sepultarmos suicidas e crian√ßas natimortas ou n√£o batizadas.¬†A realiza√ß√£o do sepultamento eclesi√°stico dos que n√£o foram membros depende de decis√£o espec√≠fica a ser tomada pelo presbit√©rio.¬†Este pode negar a realiza√ß√£o do sepultamento eclesi√°stico, quando solicitado sob condi√ß√Ķes que contrariem a mensagem crist√£ ou venham em seu preju√≠zo.

6. Como participa a comunidade?

Pela visitação e pela intercessão no culto РA comunidade demonstra sua solidariedade através da visitação antes, durante e depois do sepultamento. O falecimento de um membro é participado durante um culto. Intercedemos em favor das pessoas enlutadas e confiamos a pessoa falecida à graça de Deus.

(Fonte: “NOSSA F√Č – NOSSA VIDA”)

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress